7 Erros sistemáticos de quem quer perder peso ou aumentar massa muscular

Aumentar músculo e perder peso são dois dos principais objetivos de quem treina. Mas o nosso corpo não gosta de fazer as duas coisas ao mesmo tempo. São processos fisiológicos contraditórios. A tendência do nosso corpo é para aumentar a gordura e o músculo em tempos de abundância e perder músculo e gordura em tempos de escassez.

Então, como é que fazemos para manter o aumento do músculo enquanto perdemos gordura? Podes começar por evitar erros básicos de dieta e exercício que inibem a perda de gordura ao ganhar músculo.

Vamos ver alguns exemplos:

1 - Não comer o suficiente

Não é possível ganhar massa muscular se nãose criar um ambiente anabólico, o que significa que deves comer o suficiente para manter o peso corporal ideal.E atenção, não tens de comer uma quantidade enorme de proteína

 

2 - Comer demasiado

Muitas pessoas subestimam a quantidade de comida que ingerem. Nós não somos “contadores de calorias” mas é preciso perceber que quando se pretende perder peso têm de se queimar mais calorias do que aquelas que se ingere. Portanto é necessário reduzir a ingestão total de energia para perder gordura.

 

3 - Não comer antes e depois do exercício

Quando o teu corpo está a precisar de “combustível”- durante o treino intenso ou mesmo algumas horas depois do treino - e tu não o alimentas, o organismo pode ir buscar a energia que precisa ao músculo, limitando o seu crescimento. O truque é fornecer hidratos de carbono suficientes para impedir o cortisol de executar esta tarefa negativa. Mas atenção à regra anterior – não comer demasiado!

 

4 - Não ingerir proteína suficiente

Por regra, uma pessoa saudável e que não treina a nível profissional ou similar, só precisa de fazer uma alimentação equilibrada e baseada nos princípios que aprendemos da roda dos alimentos, para dar ao seu corpo quase tudo o que ele vai precisar. Portanto, 99% das pessoas que vão ler este artigo, não precisam de consumir bebidas proteicas todos os dias! Mas deves substituir alguns dos hidratos de carbono e gorduras refinadas por um aumento modesto de proteínas para ajudar a manter ou melhorar os teus músculos. E isto é tão válido para quem pretende perder aumentar massa muscular como para quem quer perder gordura. Uma nota: proteínas lácteas e vegetais são boas opções. E claro, o treino tem de fazer parte do teu dia-a-dia!

Nunca é fácil alterar a nossa alimentação, portanto procura ajuda profissional para perceberes melhor o que deves ou não comer. Os planos alimentares GetFit são ideais para te ensinar a comer melhor: fazemos uma ementa semanal detalhada, com receitas incluídas, de acordo com os teus objetivos!

 

5 - Descurar o treino de força

Sim, mesmo que só queiras perder gordura, deves fazer exercícios de musculação algumas vezes por semana! Se treinas, vais perceber rapidamente que a fórmula de sucesso que te levou a perder os primeiros quilos, já não está a funcionar na 2ª fase. O teu corpo precisa de estímulos novos para haver desafio e sair da zona de conforto.

 

6 - Não fazer treino de cardio

Se queres aumentar a massa muscular, é importante que os teus músculos recebam o combustível para crescerem. E esse combustível é o oxigénio. Fazer treino de cardio a um ritmo moderado é importante para aumentar a tua capacidade de oxigenação dos músculos, ajudando-os a crescer. Guarda 1 ou 2 dias por semana para este tipo de treino. E não te preocupes, não é tempo perdido. É tempo ganho!

 

7 - Falta de planeamento e de empenho

Isto pode parecer óbvio, mas é importante reforçar que tanto o aumento de músculo como a perda de gordura são dois processos complexos – quando bem feitos! E, portanto, tem de haver compromisso, planeamento, confiança no profissional, e dedicação da tua parte! Em ambos os casos o ideal é seguir um programa e ter objetivos claros. Assim, podes aplicar o programa com precisão, registar a evolução, e ver resultados que serão mais duradouros.

 

Notas finais GetFit

Um último ponto diz respeito ao overtraining. Não tenhas medo de tirar uns dias para descansar. Não estamos a dizer para não fazeres nada nestes dias, mas antes para fazeres algo de baixa intensidade. Também é importante para o teu corpo.

Deixa um comentário

Os comentários serão aprovados antes de serem publicado.